Madeiras - Maturação da Cachaça


Maturar bebidas alcoólicas em madeira é uma arte que vem sendo praticada há mais de 2 milênios. Quando se percebeu que, ao se transportar e conservar bebidas em recipientes de madeira, agregava sabores diferenciados, tornou-se uma prática comum no processo de produção. Por meio dessa maturação na madeira, é possível aumentar aromas e sabores em mais da metade das características sensoriais da bebida.



DESCANSO EM TANQUES DE INOX


A maioria da cachaças, como a MARC, descansa por pelo menos de 3 a 6 meses em tanques de aço inox.

Além de funcionar nesse período como recipiente de estocagem, há a oxidação de alguns compostos nesse período, como o acetaldeído, enaltecendo a qualidade sensorial da cachaça.



ARMAZENAMENTO EM DORNAS

Dornas de Amendoim-bravo onde matura a MARC Clássica.



A cachaça matura por tempo indeterminado em dornas de qualquer tamanho. São barris de grande porte, feitos de madeiras que interferem pouco ou nada na cor do líquido e no sabor final.

São Paulo, Minas Gerais e Paraíba são regiões conhecidas por terem suas cachaças armazenadas em dornas feitas com madeiras nativas, como amendoim, freijó e jequitibá. Essas madeiras são de fácil extração, o que fez com que se popularizassem nessas regiões. Pela resistência, baixa porosidade (o que reduz a evaporação) e baixíssima capacidade em interferir no sensorial da bebida, mantendo as características principais da cachaça pura, essas madeiras se mostraram ideais para o armazenamento.



ENVELHECIMENTO EM BARRIS DE MADEIRA


50% do volume em uma garrafa de cachaça deve ser maturada por pelo menos um ano em barril de, no máximo, 700 litros, para ser considerada envelhecida. A maioria da cachaças envelhecidas passam por barris de carvalho americano (como a MARC Carvalho Americano) ou carvalho europeu. As madeiras brasileiras também contribuem nesse processo, como as principais Amburana e Bálsamo.

De acordo com o tempo da maturação, classificamos como: Prata, Ouro, Premium, Extra-Premium e Reserva Especial. Para saber mais sobre esses tipos, leia nosso artigo "Tipos de Cachaça".


O que acontece durante esse processo?


O álcool extrai compostos da madeira, e ao mesmo tempo o oxigênio que está circulando pelos poros do barril forma ácidos, ésteres e aldeídos que modificam o líquido. A cachaça se diferencia de outros destilados porque também pode passar por madeiras que só nós temos, como o jequitibá, o bálsamo, o amendoim, o ipê, a amburana, a grápia, o jatobá, dentre mais de quarenta espécies, o que traz autenticidade, identidade e personalidade únicas ao nosso destilado nacional.


A tosta do barril:


Tostar o barril internamente é comum nas grandes tanoarias do mundo, inclusive no Brasil. A prática degrada compostos não desejáveis da madeira e também gera moléculas aromáticas que agregam qualidade sensorial à cachaça, e também rejuvenesce de certa forma barris exauridos pelo tempo.



MADEIRAS PARA ENVELHECER CACHAÇA:

Barris de Carvalho Americano, Carvalho Europeu e Amburana onde a MARC é maturada.



AMBURANA (Amburana Cearensis):

Alguns outros nomes: Imburana, Umburana, Cerejeira, Cumaru.

Sensorial: Cor dourada, âmbar cristalina. Aromas e sabores de baunilha, canela, cravo e outras especiarias.


BÁLSAMO (Mycrocarpus Frondosus):

Alguns outros nomes: Cabriúva, Pau-de-óleo, Cabriúna-preta, Pau-bálsamo.

Sensorial: Tom âmbar-avermelhado e sabores amadeirado e vegetal em barris novos. Em barris mais antigos e de maior volume, assume cor dourada com tons esverdeados e intensos aromas. Notas herbáceas e especiarias, como cravo, anis e erva-doce. Sensação de adstringência e picância.


CARVALHO EUROPEU (Quercus Petraea):

Sensorial: Cor âmbar. Aromas sutis e temperados, como amêndoa, baunilha e coco e adocicados, com textura e adstringência.

É a madeira mais usada no envelhecimento de cachaça.


CARVALHO AMERICANO (Quercus Alba):

Sensorial: Cor dourada. Aromas de mel, baunilha, coco e frutas secas. A cachaça passa a ter uma coloração mais amarelada e um sabor notoriamente amadeirado, como na MARC Carvalho Americano.


AMENDOIM (Pterogyne Nitens):

Sensorial: Quase incolor, sabor adstringente e menos ácido. Uma das mais nobres madeiras para o envelhecimento de cachaça. Alcança um patamar dificilmente alcançado por outras, pois ela consegue preservar o que existe de melhor na cachaça como o sabor e aroma da cana, acentuando essas virtudes e ainda diminuindo sua acidez e seu teor alcoólico, mas sem alterar seus sabores, como podemos ver na MARC Clássica.


Barris de carvalho ex-Tennessee Whiskey onde parte do Blend da MARC Carvalho Americano é maturada.




#cachaça #cachaca #cachacaenvelhecida #barris #toneis #dornas #cachacapremium #cachacaextrapremium


Curtiu? COMPARTILHE 👇🏼

  • Branca Ícone Instagram
  • Branca ícone do YouTube
  • Branco Facebook Ícone
  • Branca Ícone Spotify
whats_app_icon.png

A MARC APOIA E É ASSOCIADA A:

SELO-GOOGLE-SAFE-BROWSING.jpg

MARC COMERCIO DE BEBIDAS EIRELI - CNPJ: 35.135.851/0001-26

Endereço: Rua Marechal Olimpio Mourão Filho, 53 - Vila São Francisco, São Paulo - SP - CEP: 05352-080 - E-mail: contato@destilariamarc.com.br - Telefone/WhatsApp: (11) 97637 5070

Data estimada de entrega de produtos: 3 a 10 dias.

© TODOS OS DIREITOS RESERVADOS. Eventuais promoções, descontos e prazos de pagamento expostos aqui são válidos apenas para compras via internet.

As fotos, textos e layout aqui veiculados são de propriedade da Loja. É proibida a utilização total ou parcial sem nossa autorização.

WhatsApp MARC Destilaria
ibrac.jpg
logo_anpaq.jpg